quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

País vai gerar mais de 2 milhões de empregos em 2010, prevê ministro

A economia brasileira deve crescer em torno de 7% em 2010 e a geração de empregos passará de 2 milhões, em vista do avanço da economia, que começará a ser sentido logo nos primeiros meses do ano.

A estimativa é do ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi. Para ele, a previsão dos analistas de crescimento de 6% "é modesta".

Em entrevista ao programa Bom Dia, Ministro, no estúdio da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), hoje (7), Lupi lembrou que a previsão feita sobre a criação de 1 milhão de empregos em 2009 se cumpriu e disse que está pronto para ser cobrado no final deste ano quanto à previsão que faz para 2010.

O ministro afirmou que, enquanto os Estados Unidos comemoram apenas a redução de demissões, o Brasil festeja a geração de empregos. Segundo ele, no ano passado o país superou internamente os efeitos da crise internacional graças ao grande mercado consumidor que tem.

Lupi afirmou que o setor de serviços vai começar a puxar a oferta de postos de trabalho neste ano. O comércio terá grande impulso, assim como a indústria, que não foi bem no ano passado mas que está com os estoques zerados e por isso deve começar logo a aumentar a produção.

Para o ministro, a reação do setor produtivo no início de 2010 será uma inversão da tendência do que normalmente ocorre nos primeiros meses de cada ano.

Nenhum comentário: