sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Festival Grito Rock Belém reúne dez bandas:

Eles estão em 78 cidades brasileiras. Nos últimos seis anos, estamparam sua marca do Acre a Blumenau, engolindo tudo que estava ao seu alcance e mais um pouco. Em 2008, ganhou o mundo e mantém atualmente sob malhas de sua rede as cidades de Buenos Aires e Córdoba (Argentina), Montevidéu (Uruguai) e Santa Cruz de La Sierra (Bolívia). Revolucionar a produção musical independente talvez nunca tenha sido a intenção dos idealizadores do Grito Rock, mas isso aconteceu independente de sua vontade.

Criado como alternativa para a programação do carnaval, o Grito Rock hoje conecta e faz circular bandas e produtores do cenário alternativo. O que era simples entretenimento logo se tornou uma espécie de “modelo de gestão”, calcado no princípio da colaboração mútua, iniciativa que está sendo seguida inclusive no Pará.

O Grito Rock Belém, que começa hoje à noite no Afrikan Bar, além de trazer à capital paraense os desconhecidos Fax Modem (Amapá), Brown-HÁ (Brasília), Gandharva (Pernambuco) e Mr. Jungle (Rondônia), promove a circulação das bandas paraenses Paris Rock, Dharma Burns, The Baudelaires, Vinil Laranja e Sincera pelas edições do evento espalhadas Brasil afora.

Na teoria, a ideia é simples: quando uma banda ajuda a outra, fica mais fácil produzir shows, gravar discos e chegar à mídia. Na prática, porém, o Grito Belém ainda tem chão pela frente para fazer com que essa filosofia funcione. Mesmo amparado na bagagem do Coletivo Fora do Eixo, rede colaborativa de trabalho no mercado independente do Brasil, a versão paraense do Grito ainda luta para se firmar como um festival de expressão na cidade.

Vale lembrar que, graças ao festival, que esse ano chega a Abaetetuba, já passaram por Belém nomes como Frank Jorge e Superguidis, além do ótimo projeto Irracional, que reuniu integrantes das bandas Madame Saatan, La Pupuña, Clepsidra e Sevilha tocando Tim Maia. Mas este ano as atrações ficaram um pouco a desejar. Fica pra próxima.

PROGRAMAÇÃO

Hoje

Brown-HÁ (Brasília/DF)

Baudelaires (Belém/PA)

Gandharva (Recife/PE)

Turbo (Belém/PA)

16 Bits (Novo Repartimento/PA)

Amanhã

Mr. Jungle (Boa Vista/RR)

Sincera (Belém/PA)

Fax Modem (Macapá/AP)

Dharma Burns (Belém/PA)

Paralelo XI (Belém/PA)

GRITO ROCK ABAETETUBA (12/02)

Sincera (Belém)

Nova Ordem (AP)

Paris Rock (Belém)

Mímeses (Abaetetuba)

Fax Modem (AP)

Metrópole (Abaetetuba)

Venera (Abaetetuba)

SERVIÇO

4ª edição do Festival Grito Rock Belém. Hoje e amanhã, a partir das 22h, no Afrikan Bar. Ingressos antecipados: R$15 (Ná Figueredo); R$ 20 no local.

Nenhum comentário: