quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Unidades da Sespa atendem mais de mil pessoas no Mutirão da Cidadania.

As oito unidades móveis da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) ofereceram consultas médicas, exames e procedimentos durante as comemorações dos 360 anos da Fundação Santa Casa de Misericórdia, ocorridas durante o Mutirão da Cidadania, programação organizada pelo Governo do Estado, por meio da Casa Civil, na praça Brasil, em Belém.
Mais de 1.500 pessoas foram atendidas durante o dia, segundo projeção de uma das coordenadoras da ação pela Sespa, Mara Pombo. Além da equipe das Unidades Móveis, equipes do Hemopa e da Coordenação Estadual de DST e Aids incentivavam, respectivamente, a doação de sangue e o exame rápido para detecção de HIV e sífilis.
Nos seis outros ônibus, a Sespa colocou à disposição consultas em clínica médica e odontologia. Cedido pelo 1º Centro Regional de Saúde da secretaria, o oftalmologista Fernando Boulhosa atendeu pacientes que receberam óculos, que eram entregues em questões de horas, graças a uma ótica mantida em um dos ônibus. De acordo com a demanda, esses pacientes poderiam receber encaminhamentos para tratamento oftalmológico no Hospital Bettina Ferro de Souza, referência em oftalmologia no Pará.
Na retaguarda, uma equipe do Laboratório Central do Estado (Lacen) atuava na leitura de exames demandados pela Clínica Médica. Esses trabalhos ajudam a reforçar os serviços já ofertados pelas secretarias municipais de Saúde, a título de ação básica.
Os trabalhos foram acompanhados de perto pela própria governadora do Estado, Ana Júlia Carepa, que esteve na praça Brasil após cerimônia alusiva aos 360 anos da Santa Casa, ocorrida no auditório da fundação. Junto com ela, estavam a secretária de Saúde do Estado em exercício, Fernanda Santos, e o presidente da Santa Casa, Maurício Bezerra. "Creio que a melhor forma de comemorar a existência da Santa Casa é ofertar esses serviços à população, que ainda é o nosso maior alvo", explicou a governadora.
Quem era atendido pelas equipes das Unidades Móveis da Sespa pôde também, até às 14 horas, ter acesso a outros serviços, como emissão de documentos, por meio da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).
Outros órgãos estaduais, como a Fundação Curro Velho, Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran), Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), e secretarias de Estado de Cultura (Secult) e de Comunicação (Secom), montaram estandes onde exibiam uma amostra dos trabalhos já realizados em prol da comunidade paraense e que mantinham relação direta com outras ações já executadas pelo Governo do Estado.
Cortes de cabelos eram feitos por funcionários do Instituto Récoiffeur, que recolhiam restos de fios para serviram de matéria prima para a oficina de perucas montadas pelo Projeto Acolher, da Santa Casa, que assiste vítimas de escalpelmento.
Mozart Lira - Sespa

Nenhum comentário: